NOTÍCIAS



Dubai Tour

Postado por: Bike Check / Artur Sales e Ronald Santi Data: 07/02/2018

O Dubai Tour, que acontece de 6 a 10 de fevereiro, conta com 111 atletas, da elite do ciclismo mundial. Alguns usam essa corrida para testar equipamentos e estratégias, e outros colocam tudo para ganhar. Foi o caso do Holandês Dylan Groenewegen, que com 3 horas 51 minutos e 25 segundos cruzou a linha de chagada após um sprint pra lá de disputado com Magnus Nielsen da Astana e o Italiano Elia Viviani.

Confira os melhores momentos do primeiro dia de Tour, incluindo a queda massiva, que deixou fora da disputa vários da Equipe Astana:

No segundo dia de Tour, vale ressaltar o hilário Mark Cavendish, que "aliviou" na chegada e não foi páreo para Elia Viviani. O italiano sprintou forte no final, mas quando viu que não daria para levar, literalmente aliviou. E foi o que disse, em suas palvras: "Para mim, o quarto é como se eu conseguisse o segundo, eu me sento quando eu sei que não vou ganhar".

Vale ressaltar o nível de profissionalismo do atleta, quando o mesmo faz análise do desempenho de sua equipe durante o primeiro dia de Tour: "Nós tínhamos  muito arrasto, eu pulei fora, não poderia ter ficado mais difícil. Eu pensei que ele iria morrer, mas ele acabou de acelerar". Ainda completou:

"Eu acho que estamos sempre em desvantagem com as diferenças aerodinâmicas entre nossas bicicletas. Temos uma bicicleta de cinco anos de idade e sei o quão rápido é Venge. Mas isso não é o que ganhou. Eu sempre deveria ser capaz de tirar essa vantagem porque tenho mais watts. Mas hoje acabei de ser derrotado. É isso ".

Sobre os Watts, no sprint final, Cavandish teve mais potência, e isso o deixou muito feliz. Segue vídeo do dia de Hoje do Tour de Dubai! Fiquem ligados em nossos posts, vem dicas e mais uma entrevista exclusiva por aí! 

 



VEJA MAIS