NOTÍCIAS



PlanBici - O futuro da mobilidade urbana para BH

Postado por: Artur Andrade Data: 03/08/2017

Já pensou em quadruplicar a malha cicloviária da sua cidade? Pois é, este é um dos objetivos do Plano de Mobilidade por Bicicleta 2017/2020. Belo Horizonte possui, aproximadamente, apenas 83km de ciclovias e a meta do Plano é entregar 411 km até 2020.

No dia 18/07/2017, o Plano, que tem como objetivo incentivar o uso da bicicleta como transporte público, foi apresentado ao prefeito da capital mineira, Alexandre Kalil. O prefeito não só aprovou como disse que irá levá-lo para a Secretaria de Planejamento e Finanças. Além disso, Kalil firmou compromisso de que o que está no Plano será executado.


(Fonte: BH em Ciclo)

Entenda como o projeto começou. Em uma reunião com o prefeito de BH foram apresentadas várias demandas ligadas à bicicleta como parte da mobilidade urbana de Belo Horizonte. E a resposta de Alexandre foi a seguinte: "em 60 dias, me entreguem um Plano, com custo e prazo, para a bicicleta na cidade". E para cumprir o desafio, o grupo GT Pedala foi criado com a participação da BH em Ciclo, BHTrans, Sudecap, Secretaria de Planejamento Urbano, Secretaria de Meio Ambiente, Serttel,representantes da Câmara Municipal e diversos cidadãos que se interessam pela bicicleta.

Durante quase 2 meses de trabalho intenso, muitas reuniões e mais de 100 horas de trabalho do grupo, o Plano foi criado. O novo projeto está em concordância com o Plano de Mobilidade de Belo Horizonte e com a Política Nacional de Mobilidade Urbana. O Plano é composto por mais de 100 ações, previstas para serem concluídas no atual mandato, e foram dividas em seis eixos principais:
-Infraestrutura e circulação;
- Integração modal e bicicletas compartilhadas;
- Comunicação, educação e mobilização; 
- Governança, transparência e produção de dados;
- Legislação;
- Financiamento.

Com a previsão de expandir as ciclovias para 411 km de extensão, é esperado que 6% de todos os deslocamentos da capital sejam feitos por bicicletas. E, para garantir a segurança dos ciclistas durante o deslocamento, está prevista a implantação do projeto “Zona 30”, que visa limitar a velocidade máxima de algumas vias da capital a 30 km/h. Esta ação visa a conscientizar e estimular o compartilhamento dos espaços entre carros, bikes e pedestres, tornando as vias públicas mais segura para todos. Veja mais algumas ações que estão previstas no plano:
- implantação de bicicletários no metrô e nas estações de integração do Move;
- manutenção da rede cicloviária existente;
- implantação de paraciclos nas escolas municipais;
- campanhas educativas.

Um dos grandes problemas da capital reside nas descontinuidade das ciclovias, não é possível se deslocar entre principais pontos da cidade dentro de ciclovias e com segurança. Veja abaixo o mapa cicloviário da capital mineira:


(Fonte: BH em Ciclo)

Umas das primeiras grandes ações a serem realizadas por consequência do Plano é o evento Pedala-BH. A Prefeitura de Belo Horizonte, em parceria com a BHTrans, criou o programa Pedala-BH, com o objetivo de promover o uso da bicicleta na capital, criando facilidades para quem optar por esse meio de transporte, já que é um veículo de baixo custo de aquisição e de manutenção, não poluente, silencioso, flexível em seus deslocamentos e promotor da melhoria da saúde.

O programa Pedala BH prevê ainda a implantação de paraciclos e bicicletários, que são equipamentos para estacionamento de bicicletas, distribuídos pela cidade.

Embora BH seja uma cidade acidentada, com muitos morros, a mobilidade por meio das bicicletas ainda pode ser muito explorada. Uma alternativa para facilitar o esforço dos ciclistas é o uso de bikes elétricas, que ajudam bastante nas subidas. O Plano ainda não possui data marcada para lançamento público, mas em breve teremos mais informações sobre o projeto e suas ações.

Agora que já conhecem um pouco sobre o que a Prefeitura de BH está fazendo para desenvolver a cidade e incentivar o uso das bikes em Belo Horizonte, eu lhes pergunto: Você sabe o que a sua cidade está fazendo para desenvolver o ciclismo na sua região? Tenho certeza de que assim como BH, existem outras cidades caminhando na mesma direção e servindo como exemplo para melhorar.
Se quiserem divulgar os trabalhos que estão sendo desenvolvidos em sua cidade para desenvolver o ciclismo e facilitar o deslocamento dos ciclistas, nos informe através do nosso canal Fale Conosco.

(Fontes: prefeitura.pbh.gov.br, bhemciclo.org)



VEJA MAIS